19 de mai de 2018

INTIMIDADES NA COMEMORAÇÃO DOS DOIS ANOS DE GOVERNO

Ficheiro:Palacio do Planalto.jpegFalo em comemoração porque a produção do evento falou que era. Mas não vejo o que comemorar nos dois anos Temer. Muitos Rodrigos em sua vida presidencial: Rodrigo Janot, Rodrigo Rocha Loures, Rodrigo Pacheco, e, de quebra, um Joesley Batista, com encontro escondidinho no palácio Jaburu (vide http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2017/07/ca-pra-nos.html e http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2017/06/ilacao-ficcao-melhor-explicar-mala.html );
processos em andamento, incluindo quebra de sigilo bancário... bronca pra nenhum otário botar defeito.
Mas é por isto que o cadikim está metendo a colher no evento. É por causa de uma observação feita, no mesmo dia, no program "Em Pauta". Apareceu alguém (só aparece a mão e um pedaço do braço) exibindo um recado para - ao que tudo indica - o Henrique Meirelles, escrito em um pedaço de papel menor que A4, em letras grandes: "Temer está te chamando". OBS.: Pode ser que eu tenha sonhado porque procurei na internet, usando "evento comemoração Brasil voltou, 2 anos em 20, Eliane Catanhêde - que comentou a cena",  e outras chamadas e não encontrei sequer referência a "2 anos em 20". Se não sonhei, vi de verdade (que é garantia maior do que "com certeza").
O importante, para mim, é o comentário feito por Eliane: a frase "Temer está te chamando" indica o grau de intimidade entre os servidores palacianos (não sei em que nível).
Não resisti: será que a Eliane Catanhêde, jornalista de grande experiência, queria que o recado em um pequeno pedaço de papel estivesse expresso assim: "O Excelentíssimo Senhor Presidente está convocando Vossa Excelência"?
Demais pros meus sentimentos, tá sabendo? (pegando carona em frase de Chico Anysio. 

Imagem: WIKIPÉDIA.

O BRASIL VOLTOU, 20 ANOS EM 2

O Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo FederalPrimeiro que tudo, é preciso ter muita categoria para querer pelo menos parodiar JK, que prometeu 50 em 5. Temer não tem.
Pior, de fato, foi a mancada. A gente sabe que a frase está correta, que a vírgula dá o tom certo da mensagem. Mas é preciso ser muito inocente para acreditar que ninguém iria colocar gozação em cima.
Por isto, Temer deu ré outra vez, como tem feito muitas vezes. Que firmeza, sô!

Imagem: estudoprático
https://www.estudopratico.com.br/o-palacio-do-planalto-sede-do-poder-executivo-federal/

NAS LETRAS DE NOSSAS CANÇÕES - ATAULFO ALVES



"Arranjou uma aliança e agora é
Madame Fulano de Tal."







Ataulfo Alves em "Madame Fulano de Tal".







Para ouvir com Nelson Golçalves:
https://www.youtube.com/watch?v=bFI536LVnJI

Imagem: https://www.youtube.com/watch?v=K75fkqFX6k0

18 de mai de 2018

NAS LETRAS DE "NOSSAS" CANÇÕES - PRETENDA


Pretenda sempre fingir
que logo, logo há de vir
ao seu encontro alguém
fingindo amar também.






Lew Douglas
Lew Douglas



Lew Douglas, Cliff Parman, Frank Lavere e Dan Belloc, em "Pretenda".






Nota do cadikim: Conheço esta música há mais de sessenta anos. Tocava-a (mal) em um sax soprano, em 1954. Lembrei-me dela hoje (não tinha memória da letra, só do primeiro verso) e fui para o Google, que me remeteu ao YouTube. Ali, além da gravação por Carlos Galhardo, encontrei postagem de Antônio Bocaiuva, em 2011 (https://www.youtube.com/watch?v=dFwK4IDNSak):

"PRETENDA, versão em português da música Pretend, de Lew Douglas, Cliff Parman, Frank Lavere e Dan Belloc. Interpretado por CARLOS GALHARDO. Autor da versão: Alfredo Ribeiro - Disco Ip CARLOS GALHARDO E AS MAIS BELAS VERSÕES. Essa música teve ainda gravações de Brenda Lee e Nat King Cole.

Quatro anos atrás, Samuel Machado Filho postou:
"A letra brazuca deste fox-canção, lançada em 1954, teve gravações por Leny Eversong (Copacabana), Orlando Ribeiro (Odeon), Carlos Henrique (Columbia) e, claro, Carlos Galhardo (RCA Victor), que a registrou em 16 de julho desse ano, com lançamento em setembro no 78 rpm 80-1346-B, matriz BE4VB-0508."


Em "letras" (https://www.letras.mus.br/carlos-galhardo/1582392/), encontrei a letra. Ali são indicados dois compositores, Parman (que não está entre os citados por Antônio Bocaiuva) e La Veri (que pode ser Frank Lavere, a que se refere Antônio Bocaiuva).

Para ouvir com Carlos Galhardo:
https://www.youtube.com/watch?v=dFwK4IDNSak


Para ouvir a versão original, com Nat King Cole:
https://www.youtube.com/watch?v=ciS5GikZ5Jo

Imagem: Guitar Party. com
http://www.guitarparty.com/en/artist/lew-douglas/







16 de mai de 2018

"NAVIO QUE ESTÁ NAUFRAGANDO ATRACA EM QUALQUER PORTO" - "POUCO CORRUPTÍVEL" SERVE!

A primeira frase em aspas creio ter ouvido de Fernando Sasso, de Belo Horizonte, um craque em narração de futebol. Furou fila e foi-se muito cedo, em 2005.
A segunda expressão entre aspas, ouvi ontem, na Jovem Pan. Não acreditava no que ouvia. Não sei se locutor, se entrevistado, o certo é que um cidadão falava das condições mínimas para alguém ser candidato a cargo eletivo: olhar os interesses do povo, a educação, a saúde, a segurança... e ser "pouco corruptível". Entendi que um cara "pouco corruptível" ainda não galgou os degraus da corrupção, mas encontra-se, pelo menos, na ante-sala.
Na situação em que estamos, com o navio à deriva e "os ratos tomando conta do convés" (parece-me que é de Millôr mas não tenho tempo agora para conferir), ou apoderando-se da carga, como sugere a imagem, nessa situação, portanto, um candidato "pouco corruptível" serve.

Imagem: "As Viagens pelo meu Benfica.
http://undercoverslb.blogspot.com.br/2011/07/afinal-somos-homens-ou-ratos.html

15 de mai de 2018

INTRIGANTE!

Para mim, é. O tal triplex no Guarujá foi arrematado hoje, por Cr$2.200.000,00 mais taxas de condomínio atrasadas (cerca de Cr$47.000,00), segundo em.com.br POLÍTICA (https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2018/05/15/interna_politica,958899/triplex-no-guaruja-atribuido-a-lula-e-arrematado-por-r-2-2-milhoes.shtml). Diz a notícia que "o nome do comprador não foi revelado", acrescentando que ele é de Brasília.
Intrigado por que, uai? Não estaria tudo legal? Afinal, a venda foi determinada por ordem judicial
Fiquei intrigado, assim mesmo. O arrematante deve ter dinheiro demais, para botar mais de dois milhões em um imóvel cujo dono ainda não pode estar definido, até que o STF o defina, em decisão final. Além disto, aquele que poderia ser o "verdadeiro dono", até com documentos comprobatórios, não veio reclamar seus direitos de proprietário, para impedir a venda.
Ou então, vale pagar essa merreca (em termos de lava-jato é), para não ter de discutir o assunto.
Facim assim!

Imagem: O GLOBO.
https://oglobo.globo.com/brasil/moro-determina-que-triplex-do-guaruja-va-leilao-22342850

13 de mai de 2018

DIAS DA MÃE


Mãe, tu és sublime figura do altiplano,
grandioso exemplar, modelo de mulher,
somente um dia, apenas uma vez por ano,
quando a sociedade de consumo quer!

Aí, então, teus filhos, zelosos, te bendizem,
te cantam loas, jogam flores, doce engano,
porque as homenagens se fazem, sabes bem,
somente um dia, apenas uma vez por ano.

Mas tu, Mãe, tu não concebes o amor assim,
de exposição, somente da boca pra fora,
fugaz, incerto como o amor de todo mundo.

Tu, tu continuas amando até o fim,
trazendo ao peito um grande amor, a cada hora,
minuto a minuto, segundo por segundo.


Felicidades, minha mãe
IMAGEM:
Mensagens de Aniversário
https://www.mensagemparaniversario.com.br/felicidades-minha-mae/

7 de mai de 2018

MILLÔR EM PEDACINHOS: "DEZ IMPRESSÕES SINTOMÁTICAS...


...5 - Nada de pessimismo: o Brasil ainda é um país cheio de possibilidades. (Estou me dirigindo aos americanos, alemães e japoneses, vocês perceberam.)
02/07/1980".

Pág. 45 do livro



6 de mai de 2018

VOLEIBOL MINAS GERAIS: O TÍTULO DO PRAIA CLUBE E O HEXACAMPEONATO DO CRUZEIRO SÃO O MÍNIMO NO CENÁRIO, QUE É MUITO MAIOR (II).

Passada a refrega, vamos à decisão da Liga Nacional de Voleibol Masculino: o Cruzeiro venceu pela sexta vez. Ah! Deve ter sido moleza! Poderia parecer se considerarmos o desempenho do Cruzeiro, ao longo dos anos: três títulos mundiais, cinco sul americanos e cinco da super liga (atingiu o sexto com a conquista de hoje).
Vejamos os retrospectos das semi-finais e das finais. Nas semifinais, o Cruzeiro saiu perdendo para o Taubaté por 2 x 0 (três a um; três a zero), logo nas duas primeiras partidas. Teve de vencer as três restantes para passar às finais (três a zero; três a zero e três). Na primeira partida das finais, venceu por 3 x 2, com marcas muito apertadas nas parciais.. Na segunda teria de vencer para evitar um super set extra. Venceu por 3 x 2 (parciais de 25 x 16; 17 x 25; 25 x 22; 23 x 25 e 22 x 20).
O que ficou demonstrado, desde as semi-finais, foi que o Cruzeiro teve de vencer adversários dificílimos (perdendo alguns sets), todos de altíssimo nível. Ficou patente, ainda, que o nível dos times que ficaram nas quartas de final era altíssimo. Um esforço para nenhum chapa de carreta botar defeito.
Por que acho isso tudo "mínimo"? Porque penso que a vitória do volei mineiro (tema destas duas postagens de hoje, a outra em http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2018/05/voleibol-minas-gerais-o-titulo-do-praia.html) não é o principal, mas importantíssimo é conseguir vencer entre os melhores. Penso que a observação mais valiosa é a do altíssimo nível de nosso voleibol.
Não resisto à tentação de voltar a comparar voleibol com futebol. Embora a seleção brasileira seja penta-campeã mundial, não vejo no futebol o mesmo panorama que encontramos no volei: muitos times competindo em altíssimo nível, resultando em participações destacadas, seguidamente, nas competições mundiais. Nosso futebol, infelizmente, não acompanha. E nem se venha dizer que nossos melhores futebolistas vão para a Europa, porque quase todos os craques do volei já passaram por isto, inclusive treinadores.
Tenho tentado lucubrar sobre eventuais possíveis causas, sem concluir. O máximo que consegui está no cadikim, em "Futebol e Voleibol: por que as diferenças?" (http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2012/03/futebol-e-voleibol-por-que-as.html). Pode ser que alguém pense sobre e traga alguma luz. Acho que o futebol tem muito a aprender com o volei.


Foto: Gazeta Esportiva
(
https://www.blogger.com/blogger.g?blogID=3909210118884130113#editor/target=post;postID=1745306618006303950)




VOLEIBOL MINAS GERAIS: O TÍTULO DO PRAIA CLUBE E O HEXACAMPEONATO DO CRUZEIRO SÃO O MÍNIMO NO CENÁRIO, QUE É MUITO MAIOR (I).

Nada que menospreze os títulos dos mineiros. Pelo contrário. Ser o melhor é muito importante. Muito mais importante é ser o melhor entre os melhores.
É sabido - sem sombra de dúvida - que o nível do voleibol brasileiro é de altura internacional. Sem muitos comentários, então, trataremos apenas dos encontros que o Praia Clube, de Uberlândia e o Cruzeiro, de Belo Horizonte, tiveram de ultrapassar, para chegarem aos respectivos títulos.
Em sua caminhada para o título, o Praia Clube teve de enfrentar, nas quartas de final, o Volei Bauru; na semifinal, o Osasco; na final, entrou em desvantagem porque o adversário, o SESC-RJ havia vencido a primeira partida e o Praia precisaria vencer a segunda e mais um set extra. Venceu e tornou-se campeão.
Nada fácil! Contra todos os adversários o Praia teve de enfrentar treinadores reconhecidos e atletas de seleção brasileira. Nas semi-finais, as atletas vencedoras tiveram como adversárias Tandara, Leyva, Mari Paraíba e outras de alto nível. A chegada às finais foi difícil: 3 x 2 sobre o Osasco.
Nas finais, as meninas do Praia tiveram pela frente a poderosa equipe do SESC-RIO, com Fabi, Monique, Gabi e Juciely - já consagradas na seleção brasileira - Mayhara e Drussyla, revelação que se destacou no campeonato. Treinador: o experiente Bernardinho (sem comentários). Currículo: doze títulos na competição.
A primeira partida das finais foi vencida pelo SESC-RIO. O Praia teria de vencer a segunda e o set extra. Saiu campeão (Fabiana, Fê Garay, Walewska,Fawcett, Amanda, Claudinha...).
O que haverá mais importante do que isto?
Para mim, a força e a capacidade atlética no voleibol brasileiro, e a capacidade de administração dos clubes.
Em que isto é importante?
Na formação de um conjunto de interesses voltados para o real crescimento do voleibol.
Não vou me alongar. Vou direto à comparação: em algum momento o futebol feminino - mesmo quando foi campeão mundial com a genial Marta, Pretinha, Formiga, as duas Andressas, Bárbara e outras - o futebol feminino brasileiro, repito, teve o nível que o nosso volei feminino tem? Um número considerável de times, todos com atletas de nível internacional.
Uma competição muito mais difícil de vencer do que o campeonato brasileiro de futebol.
Não resisto e remeto o leitor a uma comparação feita há muito tempo, aqui no cadikim mesmo: "Futebol e Voleibol: por que as diferenças?" (http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2012/03/futebol-e-voleibol-por-que-as.html).
Penso que o futebol tem muitíssimo a aprender com o volei, para retornar a uma fase (podem chamar-me saudosista) em que dois times serviam de base à seleção e jogadores de outros times integravam o elenco.
Voltarei com outro comentário, sobre o volei masculino e a conquista do Cruzeiro.

Praia Clube; Osasco; semifinal; Superliga Feminina (Foto: Praia Clube/Divulgação)
Foto globo.com
(
https://globoesporte.globo.com/mg/triangulo-mineiro/volei/noticia/praia-clube-vence-osasco-e-garante-vaga-na-decisao-da-superliga-feminina.ghtml)