20 de fev de 2018

NAS LETRAS DE NOSSAS CANÇÕES (EU AVISEI, HEIN? POR QUE NÃO ESCUTA SAMBA?) - O DIA EM QUE O MORRO DESCER E NÃO FOR CARNAVAL


O compositor predileto do blogueiro é Adoniran Barbosa, que cantou as pessoas pobres de São Paulo e suas condições de vida. Penso que são raros os que conhecem sua obra (três ou quatro músicas apenas são conhecidas de muita gente). Penso que o conjunto da obra poderia ser objeto de estudo político-social. Mas vai cair no esquecimento, se já não caiu. Agora, o blogueiro acabou, por acaso, conhecendo parte da obra autoral de Wilson das Neves. Sabia-o baterista da maior qualidade e com trânsito em casas e cenas muito especiais, mas não conhecia o cantor e compositor. Cadikim traz a canção, com a qual ficou muito impressionado, e que poderia ter servido como alerta. Foi lançada por Wilson das Neves em 1996, lá se vão mais de vinte anos. Mas tem gente que não escuta samba, ou que tem um dispositivo de censura nos ouvidos.
Pensa o blogueiro que o momento é oportuno para ouvir e pensar sobre um lado obscuro das raízes da violência (sem mi-mi-mi, mas pensando).





Wilson das Neves


Wilson das Neves e Paulo César Pinheiro em "O dia em que o morro descer e não for carnaval."




Para ouvir com Wilson das Neves: YouTube.
https://www.youtube.com/watch?v=mr0ZUETRnJk

Imagem: 

http://www.portalsplishsplash.com/2017/08/sambista-wilson-das-neves-morre-aos-81-anos-rj.html
Postar um comentário