20 de jan de 2015

ELETRO: CARA DE PAU É POUCO


Decisão é paliativa e deve exercer ainda mais pressão sobre o sistema energético brasileiro Penso que corremos o risco de entrar em uma fase (ops!) pelo menos esquisita na história da nossa eletricidade: estamos ouvindo pronunciamentos de autoridades que tentam excluir o termo "apagão", porque, em governo anterior, a palavra foi usada com significado pejorativo de desorganização, incapacidade administrativa...
Aí, vem o Operador Nacional do Sistema e diz que não houve apagão, foi um "corte seletivo". Então, vem o Ministro das Minas e Energia e diz que não houve falta de energia mas pode ter havido uma falha técnica ou humana.
Gente! Como diz a moçada, hoje: alô!!! Se onze Estados ficaram sem energia elétrica, não há como fugir daquele apelido que foi posto, em outro governo, quando ocorreu fenômeno igual ou semelhante.
O apelido que puseram foi APAGÃO!

Foto: Veja.
http://veja.abril.com.br/noticia/economia/apos-apagao-ministro-diz-que-petrobras-acionara-novas-termicas
Postar um comentário