22 de jan de 2015

MEU AMIGO TOMORROW

Tive pouco contato com ele. Mas as poucas vezes, foi sempre muito gentil. Natureza dele, parece-me, porque, acontecendo sua morte, muita gente postou condolências e declarações de amizade, admiração, etc., no facebook.  Tratando-o por um outro apelido, que é como era mais conhecido.
Sua postura era sempre de paz, de acolhimento. Assim era.
Tinha lá suas mumunhas, também. Candidato a vereador, foi procurado pela produção da campanha, que precisava fotografá-lo. Disse que só quando voltasse. Mas quando voltar de onde? perguntaram. Do Pantanal, respondeu. Estava de saída para uma "pescada" no Pantanal, coisa que não demoraria pouco tempo. Não se fez de rogado. Disse que não precisava de divulgação de foto, porque tinha muitos votos.
Para quem nem quis tirar a foto, teve um número considerável, que, mesmo não chegando para elegê-lo, indicaram um prestígio indisfarçável.
Assim era.
Pois não é que um amigo comum contou-me que, sempre que era procurado por um cobrador, falava apenas:
- Tomorrow!
Acabou ficando com o apelido.


FOTO: GGN - O JORNAL DE TODOS OS BRASIS.
http://jornalggn.com.br/noticia/o-trem-do-pantanal-de-almir-sater