30 de jun de 2014

DIÁRIO DE UMA POMBINHA - O RETORNO

Querido diário,



Continuo um pouco enjoadinha. Acho que os ovinhos estão a caminho. Passo o tempo escondidinha no meu canto. Fiquei muito emocionada, hoje, porque, já pela manhã, meu querido andou por aqui. Pousou imponente em uma antena, no telhado próximo, vigilante, protetor.
O paparazzi continua bisbilhotando.
Despisto-o, mexendo-me muito no ninho, quando ele chega à janela. Quero vê-lo muito curioso e sempre sem certeza sobre o que está rolando.
A noite veio chegando e o paparazzi não dava sossego. Jogou um facho de luz em cima de mim. Mas não consegue ver meu amado, que está de lado, meio escondido, ainda me protegendo. Pode ser que passe a noite por aqui. Estou
precisando muito de uma boa companhia.