16 de mai de 2015

QUE TERRORISMO É ESSE, MINISTRO? SÓ UMA ALTERNATIVA?

Penso que os governantes, ministros e quejandos já deveriam saber que não há mais, no Brasil, uma esmagadora maioria de ignorantes. Assim, poderiam deixar de terrorismo barato.
Por quê a bronca?
Ouvi o Ministro da Fazenda dizer, pela TV, que, quando os gastos aumentam  (inadvertidamente, havia digitado "gatos"; já corrigi, mas acho que poderia ter ficado assim), a solução será aumentar impostos.
Evidentemente, estava falando sobre o tal "fator previdenciário".
Ô sô do céu! Então o técnico de altíssimo gabarito, capaz de solucionar a embrulhada em que fomos metidos pelo governo, esse Ministro tem uma única alternativa, a de sacrificar mais o povo, se já não bastasse uma das mais (não sei se a mais) alta carga tributária no mundo.
Isto é terrorismo: ou se mantém o fator previdenciário, ou o lobo mau nos pega.
A facilidade em encontrar solução faz-me lembrar a estória do espectador no circo, que assistiu à cena de um leão sendo acariciado pela mocinha gostosinha e retribuía os carinhos, estória que não vou tornar a contar mas, se o leitor tiver interesse e/ou curiosidade, é só clicar e ver em http://cadikimdicadacoisa.blogspot.com.br/2013/06/isso-ai-eu-tambem-faco.html.



Imagem: O felino.

http://ofelino.blogspot.com.br/2013/12/vem-ai-o-lobo-mau.html