26 de jul de 2012

FUTEBOL NA OLIMPÍADA: ATACANTE JAPONÊS ENSINANDO REGRA AOS ÁRBITROS.

Não é muito freqüente vermos juiz deixar de marcar impedimento quando a gola toca em um defensor, antes de ser tocada pelo atacante. Muitos comentaristas explicam que o defensor não passou a bola, mas apenas tocou nela.
Que nem caviar - "nunca vi nem comi, só escuto falar" - nunca vi a regra. Só ouço falar que o toque de defensor na bola tira o impedimento.
Hoje, quando todos esperávamos uma aula de futebol da seleção espenhola, jogando contra a japonesa, assistimos a uma aula de atacante japonês, sobre essa regra.
Defensor espanhol esforça-se para evitar um lateral, no lado esquerdo de sua defesa. Um pouco afobado, acabou tocando a bola na direção da linha de fundo. Um japonês que estava no caminho, recebeu a bola e, quando ia caminhar com ela, o juiz marcou impedimento.
O japonês não se conformou e ficou apontando para o jogador espanhol que a tocara e para a bola. Como quem diz: "foi ele quem tocou a bola para mim". O juiz fez cara de paisagem.
Pode ser que tivesse ficado impressionado com as explicações de alguns comentaristas. E achado que, para marcar impedimento, só se o espanhol tivesse dado um passe para o japonês.
Só se foi isto. Mas é demais para os meus sentimentos, tá sabendo?

Imagem: Blog do Guilherme Brian.
http://gx-guilherme2gx.blogspot.com.br/2010/08/jogos-olimpicos.html
Postar um comentário